Cientistas criam drone do tamanho de um inseto

Pequena aeronave poderá ajudar na realização de missões de busca e resgate após um desastre ou até polinizar grandes plantações.
Avatar de André Luiz
11/03/2021 às 09:01 | Atualizado há 2 anos
drone do tamanho de uma abelha

Um time de pesquisadores das universidades de Harvard, MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) e da City University of Hong Kong, anunciaram a criação de um drone que se parece, age e se move com pequenos insetos. O objetivo é que a aeronave consiga entrar em lugares onde humanos ou outros aparelhos eletrônicos não consigam entrar.

O pequeno drone pesa apenas 665 mg e, além do tamanho, também tenta imitar o inseto. O drone conta com duas asas nas suas laterais que conseguem ser batidas até 500 vezes por segundo,

Segundo os engenheiros responsáveis, no futuro, a pequena “abelha mecânica” poderá ser usada para polinizar plantações e até fazer inspeções em máquinas com espaços pequenos e apertados.

“Pense na inspeção de um motor de turbina. Você gostaria que um drone se movesse em um espaço fechado com uma pequena câmera para verificar se há alguma rachadura. “Todas essas coisas podem ser muito desafiadoras para os robôs de grande escala existentes”, destacou Kevin Yufeng Chen, professor do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, em comunicado da universidade.

Outra aplicação inclui também a realização de missões de busca e resgate após um desastre.

Um aspecto importante é a resistência do drone. Segundo os criadores, ela aguenta receber pancadas ou entrar em contato com outros objetos e continuar voando sem sofrer danos.

A solução para criar uma máquina tão pequena e ao mesmo tempo resistente, foi empregar uma combinação de materiais macios, como carbono e borracha. Graças a flexibilidade desses materiais, eles conseguem absorver mais impactos sem que se quebrem, como acontece em materiais mais rígidos.

Se você gostou do artigo, nos acompanhe no Google Notícias, Facebook, Twitter e Telegram para ter acesso imediato a tudo.
Avatar de André Luiz
André atua como jornalista de tecnologia desde 2009 quando fundou o Tekimobile. Também trabalhou na implantação do portal Tudocelular.com no Brasil e já escreveu para outros portais como AndroidPIT e Techtudo. É formado em eletrônica e automação, trabalhando com tecnologia há 26 anos.
SUGESTÕES PARA VOCÊ