5 razões para lâmpadas inteligentes fazerem parte de sua vida

Depois de ler esse artigo, você pensará fortemente em comprar lâmpadas inteligentes e começar sua casa conectada.
Avatar de Redação
31/10/2020 às 21:24 | Atualizado há 4 anos
5 razões para lâmpadas inteligentes fazerem parte de sua vida 1

A maioria de nós tem pelo menos um dispositivo inteligente em casa. Seja um assistente inteligente ou uma TV inteligente, estamos todos no caminho certo para ter casas inteligentes em um futuro próximo. Esses dispositivos estão mudando rápida e amplamente a maneira como vivemos. Se você tem um hub e eletrodomésticos inteligentes, pode realizar seus sonhos de automação residencial completa.

Suas luzes se acendem e apagam, seu aspirador de robô limpa ou esfrega para você e seu sistema de segurança inteligente monitora sua casa em busca de intrusos. Você não terá que levantar um dedo.

Mas, embora a tecnologia inteligente nos ofereça uma maneira fácil de automatizar a maneira como vivemos, esses dispositivos também são um pouco intimidantes. As lâmpadas inteligentes são uma maneira fácil e acessível de mergulhar nas águas de casa inteligente – e oferecem muitas vantagens em troca. Aqui estão algumas das nossas coisas favoritas que você pode fazer com lâmpadas inteligentes.

1. Controle as luzes inteligentes de qualquer lugar por meio de aplicativos

Uma das principais vantagens de usar lâmpadas inteligentes é que você pode controlar suas luzes quando precisar ou quiser – direto do aplicativo. Quer acender as luzes antes que a família chegue à cidade para as férias? Você pode fazer isso enquanto executa tarefas. Precisa acender a luz da varanda para que pareça a casa de alguém enquanto você estiver fora da cidade? Use o aplicativo.

Quase todas as lâmpadas inteligentes do mercado oferecem essa funcionalidade, e é um recurso muito útil. Você pode usar o aplicativo para desligar as luzes quando se esquecer, definir o clima antes de chegar ou qualquer outra coisa que quiser fazer de onde estiver. Você pode até definir rotinas e horários em que suas luzes serão ligadas e desligadas automaticamente nos horários que você especificar.

Além disso, alguns aplicativos e lâmpadas reconhecerão onde você está por meio de uma geocerca embutida – que permite que você defina as luzes de sua casa para acender ou apagar conforme você entra e sai. Você não terá que fazer nada. Suas lâmpadas farão tudo por você.

2. Compatibilidade com assistentes de voz

Você já tem um alto-falante inteligente e lâmpadas inteligentes em sua casa? Bem, então você também tem controle de voz sobre suas luzes inteligentes. Está certo; você pode emparelhar sua lâmpada inteligente com seu Amazon Echo, Google Nest ou Apple HomePod e usar sua voz para ligar ou desligar as luzes. Você também pode usar um aplicativo, mas aproveitará ao máximo suas lâmpadas inteligentes ao usar um hub.

Basta um único comando de voz e seu assistente inteligente pode ligar ou desligar as luzes inteligentes. Você pode ajustar as luzes dos quartos e de certas áreas da sua casa, ou pode simplesmente desligar todas as lâmpadas inteligentes de uma vez, com apenas um comando de voz. Quer desligar as luzes do andar de cima? Diga um comando como “Alexa, desligue as luzes do andar de cima” para fazer isso.

Você também pode definir o clima com o assistente de voz. Tudo o que você precisa fazer é dizer um comando simples, como “Alexa, ajuste as luzes da sala para 30%” ou “Alexa, acenda as luzes ao máximo” e seu alto-falante inteligente fará o resto.

3. Configure horários e rotinas

Você definiu rotinas que segue? Em caso afirmativo, você pode definir suas lâmpadas inteligentes para se integrarem com seus horários ou rotinas. Você não só pode definir uma programação para ditar os horários de ligar e desligar as lâmpadas todos os dias, mas também definir várias outras rotinas.

Digamos, por exemplo, que você esteja lutando para sair da cama agora que os dias estão ficando mais longos. Se um despertador não funcionar, você pode criar uma rotina de despertar para suas lâmpadas inteligentes. Ao fazer isso, suas luzes irão acender lentamente – imitando os efeitos do nascer do sol. Você também pode criar rotinas de sono que gradualmente escurecem e desligam as luzes.

4. Opções de cor, temperatura e dimerização

As luzes inteligentes têm muito mais a oferecer do que apenas programações e rotinas cronometradas. Muitas das lâmpadas inteligentes no mercado permitem que você altere as cores, temperaturas ou intensidade para criar o ambiente que você procura.

Dando uma grande festa em casa (pós-COVID, é claro)? Você pode melhorar a decoração combinando sua lâmpada inteligente com a paleta de cores. Está tendo um jantar tranquilo em vez disso? Você pode usar suas lâmpadas inteligentes para imitar o brilho de uma luz quente de velas ou um céu nublado e nublado. O mundo do ambiente é sua ostra.

As lâmpadas Philips Hue são algumas das melhores para controlar o ambiente em sua casa. Você pode escolher entre muitas cores diferentes e elas são facilmente controladas pelo aplicativo em seu telefone ou por meio de seu assistente inteligente.

5. Defina o clima associando-os à música

Há um punhado de opções de lâmpadas inteligentes no mercado que permitem definir o clima em sua casa sincronizando com sua música. Quer que sua iluminação reaja às batidas de um banger? Você pode até escolher o quão reativas algumas das luzes inteligentes são – sutis, altas, moderadas ou intensas. É sua decisão.

No entanto, esse recurso não se limita à música. Algumas lâmpadas inteligentes até permitem que você altere a configuração para que suas luzes reajam a outros sons também – como os de jogos e vídeos. Isso levará seus jogos ou farras de filmes para o próximo nível (e ficará muito legal também). As lâmpadas Philips Hue são perfeitas para isso. Se você tiver um Hue Hub, essas lâmpadas podem ser configuradas para reagir à música por meio do aplicativo Hue Sync.

Se você gostou do artigo, nos acompanhe no Google Notícias, Facebook, Twitter e Telegram para ter acesso imediato a tudo.
Avatar de Redação
Os artigos assinados por nossa Redação, são artigos colaborativos entre redatores, colaboradores e/por nossa inteligência artificial (IA).
SUGESTÕES PARA VOCÊ