Testamos o celular da Motorola com tela enrolável, vejam o vídeo

Celular conceito da Motorola com tela enrolável ainda não tem previsão de lançamento
Avatar de André Luiz
25/08/2023 às 15:35 | Atualizado há 6 meses
YouTube video

A Motorola mostrou no ano passado um conceito de celular enrolável, o que seria uma alternativa aos atuais com telas dobráveis. Mesmo que ainda não tenha chagado as prateleiras, a tecnologia vem sendo aprimorada. Fomos convidados pela Motorola do Brasil para conhecer o protótipo, e assim ver um pouco do funcionamento da tela flexível e suas aplicações.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Como funciona o Motorola com tela enrolável

O funcionamento é aparentemente simples. O protótipo em seu estado normal tem uma tela de 5 polegadas na parte da frente, enquanto a outra parte dela fica na traseira, com de 1,5 polegadas. Ao tocar duas vezes no botão Power a tela se expande na parte frontal ficando assim com 6,5 polegadas.

Testamos o celular da Motorola com tela enrolável, vejam o vídeo 1

Ela também se enrola em direção a parte inferior, ficando um pouco menor que as 5 polegadas, como isso é revelada a câmera frontal, que fica abaixo da tela.

Quais os diferenciais da tela enrolável?

A funcionalidade de um conceito não é apenas ser legal de ver, mas sim trazer funcionalidades práticas para o usuário, para só então virar um produto final.

O conceito tem várias funcionalidades já implementadas. Por exemplo, quando o usuário está assistindo um vídeo no Youtube na vertical e gira o celular para assistir na horizontal, ela é automaticamente expandida para ficar no formato 16:9 (ou algo parecido) para ajustar a proporção do vídeo.

Há também funcionalidades que já são aplicadas hoje nos modelos dobrados. Por exemplo, a parte da tela que fica visível na parte traseira pode ser utilizada como monitoramento da câmera, ou seja, é possível tirar selfies com a câmera principal e mais potente ou mesmo para o sujeito da foto se arrumar enquanto outra pessoa tira a foto, o mesmo vale para filmagens.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - OTZ

No protótipo mostrado a parte traseira da tela não é usável para outras coisas, mas claro que isso é questão de software.

Além disso, conforme conversado com Thiago Masuchete, gerente de produtos da Motorola e quem apresentou o protótipo, um mecanismo enrolável agride bem menos a tela do que uma que dobra, sendo assim uma tecnologia até, digamos, mais prática que as atuais dobráveis. Por outro lado, a parte mecânica de acionamento é algo mais caro e complicado do que uma dobradiça usada nos dobráveis.

Telas enroláveis ainda não possuem data de estreia

Não há data para a chegada do produto. Convenhamos que o mercado de dobráveis ainda é novo e pode melhorar muito. Então ainda não há muito motivo para introduzir algo novo no mercado.

De qualquer maneira, pensando no futuro, há outras aplicações muito bem vindas. Celulares que viram tablets, tablets que viram computadores, monitores e assim por diante.

A Samsung, por exemplo, recentemente mostrou um display com grandes dimensões que enrola.

Testamos o celular da Motorola com tela enrolável, vejam o vídeo 2

Chamada de Rollable Flex, ela pode se expandir em mais de cinco vezes quando comparada a seu tamanho original. Ela passa de meros 49,9 mm para até 254,4 mm, formando um display com diagonal de 12,4 polegadas. Mas são todos conceitos que ainda não possuem data para aparecer no mercado.

Se você gostou do artigo, nos acompanhe no Google Notícias, Facebook, Twitter e Telegram para ter acesso imediato a tudo.
Avatar de André Luiz
Fundador e editor chefe da Tekimobile Midia. Além de empreender, trabalhou 20 anos com eletrônica e telecom até que decidiu se dedicar 100% na produção de conteúdo.
SUGESTÕES PARA VOCÊ