App Store para o óculos futurístico da Apple é lançado e está disponível para uso

A Apple lançou a AppStore do visionOS, permitindo que desenvolvedores publiquem criações para o tão aguardado Vision Pro
Avatar de André Luiz
18/01/2024 às 10:43 | Atualizado há 1 mês
App Store para o óculos futurístico da Apple é lançado e está disponível para uso 1

A Apple acaba de dar mais um importantíssimo passo para a chegada do que muito provavelmente é o seu produto mais aguardado desde o primeiro iPhone: o Vision Pro. Como notado pelo MacRumors, a gigante de Cupertino já colocou no ar hoje a App Store do visionOS, permitindo que desenvolvedores publiquem suas criações para o headset de realidade mista (AR/VR).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além de abrigar os apps feitos exclusivamente para o Vision Pro, a nova plataforma da Maçã também disponibilizará os apps feitos para iPhone e iPad — os quais funcionam no visionOS, só que em 2D. Qualquer app distribuído para esses dispositivos, vale lembrar, pode rodar no novo dispositivo — a menos que o seu criador tenha decidido, por algum motivo, desativar essa interoperabilidade.

Essa notícia coincide com o envio das primeiras unidades de teste do Vision Pro para veículos de mídia, que já estão colocando as suas mãos no headset. Desta forma, ao ativar a App Store do visionOS, a Apple passa a permitir que jornalistas baixem os apps que quiserem nas suas unidades durante os testes.

Ainda segundo o MacRumors, os primeiros reviews do Vision Pro serão publicados no final de janeiro, o que quer dizer que os jornalistas terão em torno de duas semanas para testá-lo. O dispositivo já conta com uma variedade de apps pensados especificamente para ele, o que vai desde softwares de produtividade até apps de entretenimento, como o Max (antigo HBO Max) e o Disney+.

Homologação da FCC

Além de ter sua App Store devidamente lançada, hoje foi o dia de outro marco para o Vision Pro: ele foi homologado pela Federal Communications Commission (FCC, a “Anatel dos Estados Unidos”),

Com isso, o Vision Pro tem menos um obstáculo para chegar às lojas, uma vez que essa permissão é obrigatória para que um produto como esse seja comercializado nos EUA. Como também lembrado pelo MacRumors, a Apple tem há meses exibido um aviso no material promocional do seu headset alertando os consumidores de que o aparelho ainda não havia sido certificado.

Com o seu lançamento marcado para 2 de fevereiro, o Apple Vision Pro custará a partir de US$3.500 — apenas nos EUA. A pré-venda online do aparelho, por sua vez, começará já nesta sexta-feira (19/1).

Se você gostou do artigo, nos acompanhe no Google Notícias, Facebook, Twitter e Telegram para ter acesso imediato a tudo.
Avatar de André Luiz
Fundador e editor chefe da Tekimobile Midia. Além de empreender, trabalhou 20 anos com eletrônica e telecom até que decidiu se dedicar 100% na produção de conteúdo.
SUGESTÕES PARA VOCÊ